Compartilhar.

O canário é um dos mais populares pássaros do mundo, e é tipicamente procurado por sua bela música melódica. A maioria dos canários são criados para cantar, especificamente canários masculinos.

Canários são muito fáceis de cuidar: eles não exigem atenção constante, são perfeitamente felizes como um único pássaro e os machos produzem belas canções. Eles são ótimos pássaros para quem deseja ter um, mas não teve experiência prática com nenhum e são relativamente baratos. 

Características

O canário tem geralmente entre 12 a 20 cm de comprimento. Sua plumagem é muito brilhante em cores amarelo, amarelo-verde, verde e tons de laranja em tons de vermelho. A vida média de um canário é de 10 a 15 anos, embora tenha havido canários que viveram até 20 anos.

Espécie

  • Canário-Belga Cobre: Existem várias espécies de canário belga, a começar pelo Canário Belga Cobre, que possui plumagem mosaica de cor pastel e cobre. Este tipo de canário belga costuma cantar muito.
Canário-belga cobre
  • Salsa: Este é um tipo de canário belga que chama atenção principalmente por sua plumagem colorida, com muitos detalhes e cores brilhante.
  • Canário-Belga Azul: Como o nome já diz, este tipo de canário é coberto por uma plumagem azul em seus mais variados tons. É um tipo de canário difícil de encontrar e as vezes é necessário, até mesmo, fazer o cruzamento entre várias espécies para que este tipo de canário surja.
  • Canário-Belga Preto: Não, diferente do que você pode pensar, esta não é uma ave completamente preta. Também é uma espécie difícil de ser encontrada. A ave possui plumagem em tons de preto claro parcialmente ou completamente.
Canário-belga preto

O canário Belga hoje, é visto como um animal doméstico que pode ser criado em casa, desde que você cumpra com todos os pré-requisitos sobre a segurança e o cuidado do animal. Cabe a você escolher qual espécie de canário te agrada mais. É importante salientar que, não há diferenças notórias com relação ao comportamento de cada espécie. A diferença central, é, especificamente, na plumagem.

Alimentação

Alimentos frescos e água devem ser fornecidos diariamente. Um canário não pode viver por um período de 24 horas sem água! Linhaça pode ser dada todos os dias e misturas de sementes especialmente para pássaros estão prontamente disponíveis em uma loja e produtos rurais. Um único canário comerá cerca de uma colher de chá de semente por dia. Eles raramente comem em excesso, embora precisem comer um pouco mais quando o tempo estiver mais frio. É importante fornecer ao seu canário uma variedade de alimentos, não apenas sementes. 

Uma dieta equilibrada é fundamental para saúde do canário

Os suplementos diários que os canários gostam de comer incluem verduras como couve, brócolis, espinafre, aipo, ervilha e agrião. Pequenas quantidades de frutas, como maçãs, laranjas, uvas, bananas e melões também podem ser oferecidas. A cada poucos dias você também pode fornecer alguns alimentos especiais para ajudar a desenvolver cordas vocais. Estes alimentos consistem em mel, frutas como maçãs, e legumes em geral.

Canários são aves muito resistentes e quase todas as doenças podem ser atribuídas a dieta inadequada, gaiolas sujas e ingestão das próprias fezes. Uma dieta equilibrada e muito exercício evitará a maioria das doenças dos canários. Se um canário ficar doente, ele perderá peso rapidamente, por isso é essencial que você conheça seu pássaro e observe mudanças drásticas reais como indicações de doença.

Alguns sinais de doença a levar em conta são excrementos que não são de cor preto e branco, penas arrepiadas, falta de apetite e letargia. Algumas das doenças comuns e ferimentos que seu canário pode contrair são: asas ou pernas quebradas, cortes e feridas abertas, bicos e unhas grandes, penas encravadas, falta de voz, cãibras, perda de peso, insolação, concussão, diarreia, ácaros, resfriados, calvície, pernas escamosas, olhos doloridos, tumores, perda de música, constipação e outros. Contate o seu veterinário imediatamente se você suspeitar de alguma lesão presente no seu amigo de pena!

Reprodução

Os meses de reprodução dos canários são entre agosto e dezembro. Você deve colocar seus canários para acasalar no começo de julho, para que em agosto os ovos possam ser postos. No entanto, é possível que os canários reproduzam antes deste período, desde que a temperatura esteja normal (nem muito frita, nem muito quente).

Como sei que meu canário está pronto para reproduzir?” é a maior dúvida. Note que, os canários machos dão indícios através do canto. Quanto mais alto e mais frequente, mais perto eles estarão do momento de acasalar. Note também que os canários, em geral, começam a ficar mais ativos também.

Os canários machos dão indícios através do canto

As fêmeas, por outro lado, respondem ao canto dos machos. Quando chegar a hora de acasalar, coloque ambos na mesma gaiola. Mesmo que inicialmente não ocorra o acasalamento, continue deixando-os juntos, porque hora ou outra eles vão acasalar.

A fêmea é capaz de produzir 3 ou 4 ovos, no período da manhã, diariamente. Para preservar os embriões, vire todos os dias os ovos para evitar que ele grude internamente. Recolha os ovos com uma colher, pois são extremamente frágeis e podem rachar ou quebrar com qualquer pressão forte.

Depois que a fêmea colocar todos os ovos, devolva-os ao ninho para que ela possa “chocá-los”. Este procedimento é mais do que necessário, pois evita a diferença de tamanho entre os pássaros, diminuindo o risco de que os menores morram.

Hábitos e cuidados

Canários têm personalidades muito doces. Eles não prejudicarão crianças, visitantes ou outros animais de estimação menores. Os canários geralmente são mais territoriais do que sociais e serão mais felizes como um pássaro solitário. Eles nunca devem ser abrigados com aves maiores e mais agressivas.

Os canários podem aprender alguns truques simples, como o canto induzido, mas são bastante tímidos e exigem muita paciência. Os canários masculinos também podem aprender a imitar sons como um toque de telefone ou uma campainha. Se você deseja domar ou treinar seu canário, é melhor comprar um único pássaro. Também é mais fácil domar um pássaro jovem. 

Canários gostam de espaços abertos. Então, forneça uma gaiola espaçosa. As gaiolas redondas nunca devem ser usadas com qualquer tipo de ave voadora, pois a forma dificulta a colocação de poleiros paralelos uns aos outros e restringe o voo das aves, dificultando a sua movimentação natural. Uma gaiola de bom tamanho para uma única ave é de 16cm de altura e 30cm de comprimento. Lembre-se, os canários gostam de voar para frente e para trás, não necessariamente para cima e para baixo. Coloque a gaiola em um suporte ou pendure-a em um suporte de parede no nível dos olhos. Certifique-se de que o local escolhido tenha boa luz e seja bem ventilado, mas livre de correntes de ar. Deve estar longe de portas e janelas onde a exposição direta à luz solar pode torná-lo excessivamente quente. 

Canários gostam de espaços abertos

Como regra geral, a temperatura ambiente confortável para você deve ser adequada para o seu pássaro. Não importa se seu pássaro está doente ou saudável, não deixe de observar sinais de desconforto relacionados à temperatura: as aves frias permanecerão paradas muitas vezes por longos períodos de tempo, e as aves superaquecidas manterão suas asas longe de seus corpos e arfarão. 

Na gaiola, forneça dois ou três bons poleiros de madeira macia. Galhos de árvores de tamanho similar também fazem bons poleiros e ajudarão a desgastar as garras naturalmente. Os poleiros devem ter alguma textura para evitar o escorregamento, no entanto, não use lixas como capas para poleiros, pois podem causar graves irritações nos pés e infecções. Também forneça vasilhas de comida, água e guloseimas, bem como uma área para um banho. Mantenha essas vasilhas longe dos poleiros para que não coletem excrementos de pássaros.

Embora os canários precisem de muito pouco cuidado, um ambiente limpo, bem como alimentos frescos e água diariamente, é essencial para prevenir doenças e enfermidades. O cuidado básico da gaiola inclui a limpeza / troca diária dos pratos de água e alimentos e a troca dos papéis da gaiola. 

Semanalmente, lave e seque a gaiola inteira, incluindo os poleiros usando água morna com sabão ou um desinfetante de gaiola. 

Canários gostam de se movimentar e é importante para a sua saúde e bem-estar que eles possam voar de poleiro para poleiro. Mantenha os acessórios da gaiola ocupando o mínimo de espaço possível para permitir movimento livre. Um único brinquedo, espelho, e um par de galhos / poleiros será suficiente e você pode alterá-los periodicamente.

Distribuição geográfica

O ancestral do canário domesticado que vemos hoje pode ser encontrado nas Ilhas Canárias, Açores e Madeira. Desde 1478, quando foram importados pela primeira vez para a Europa, as raças canárias domésticas mudaram com base na popularidade comercial de algumas raças em relação a outras. Os canários como animais de estimação estão distribuídos em todo o mundo.

Conclusão

O Canário-Belga é um animal interessante caso você queira começar a criar pássaros. Desde que você adquira um de modo legal, não há empecilhos que te isente de criar um! Fique atento a todos os cuidados mencionados nos tópicos anteriores e, em caso de doenças ou acidentes, contate um veterinário para que ele possa cuidar do seu canário o quanto antes!

O que achou do conteúdo?

100%
100%
Excelente
  • Conteúdo
    10
  • Pontuação do Usuário (7 Votos)
    4.4

O que achou da postagem? Deixe seu comentário.

Compartilhar.

Sobre o autor

O 1º Portal para criadores e apaixonados por pássaros.

Comentários estão fechados.